Pular para o conteúdo

Live-action de One Piece bate recorde e desbanca Wandinha na Netflix

Compartilhe:

A série live action baseada no mangá e no anime de One Piece estreou dia 31 de agosto na Netflix e já bate recorde.

One Piece live-action com Nami, Monkey D. Luffy e Zoro
Nami (Emily Rudd), Monkey D. Luffy (Iñaki Godoy) e Roronoa Zoro (Mackenyu). Imagem: Netflix

Como mostra o perfil OnePieceNetflixFan, no X, a série alcançou ao mesmo tempo a primeira posição do Top 10 da Netflix em 84 países no fim de semana de estreia. Com isso, One Piece live-action bateu o recorde detido pela série Wandinha e anteriormente por Stranger Things, sucessos inquestionáveis e que estrearam no top 10 em 83 países.

“ONE PIECE’ está atualmente em primeiro lugar em 84 países na NETFLIX, superando o recorde estabelecido pela 4ª temporada de ‘STRANGER THINGS’ e ‘WEDNESDAY’ [Wandinha].”, escreveu OnePieceNetflixFan.

O Brasil ficou entre os países com mais público na estreia dessa live-action, como podemos ver em compartilhamento feito por Artur – Library of Ohara, no X. Isso apenas confirma a bela relação do país com mangás e animes.

De certa forma, o sucesso da série One Piece com atores reais é uma surpresa, visto que live-actions baseadas em mangás ou animes da própria Netflix não agradaram anteriormente, como é o caso de Cowboy Bebop e Death Note.

O pouco interesse do público nesses casos aconteceu principalmente pela falta de detalhes em ambientes e também pelos grandes cortes nos enredos originais, com foco maior em cenas impactantes. A produtora parece ter aprendido com os erros, pois esses fatos não ocorrem na nova produção de One Piece.


Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *