Pular para o conteúdo

Proibição do Apple iPhone na China chega em outro nível

Compartilhe esta notícia:

No dia 6 de setembro desse ano, a China iniciou a proibição do uso de Apple iPhones e outros eletrônicos de origem estrangeira pelos funcionários de agências do governo central, como informado pelo Wall Street Journal. Agora, a proibição aos produtos com origem de fora do país, está avançando.

mulher chinesa no lançamento iPhone 15
Imagem: South China Morning Post

Segundo notícia publicada pelo Bloomberg na sexta-feira (15/12), que cita ter fontes confiáveis, cada vez mais agências chinesas, sendo de várias regiões, estão solicitando aos funcionários que não levem seus eletrônicos estrangeiros, em especial os iPhones, para o trabalho.

Além disso, o governo solicita que as agências estatais utilizem softwares de empresas locais e também chips com produção nacional. Esta ação parece fazer parte de uma manobra da China para diminuir a presença de tecnologias estrangeiras.

Nos últimos dois meses, segundo a notícia, ao menos oito províncias chinesas orientaram seus funcionários para que utilizem as marcas do país.


Compartilhe esta notícia:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *