Pular para o conteúdo

Paxful, corretora que adotou Bitcoin em El Salvador, fechou

Compartilhe esta notícia:

A Paxful, grande corretora de El Salvador e que adotou o Bitcoin, parou suas atividades na terça-feira, 04/04.

gráfico Bictoin
Montagem de gráfico financeiro com Bictoin

Segundo Ray Youssef, CEO da empresa, “Isso provavelmente será um grande choque para muitos” , “Eu não posso compartilhar a história completa agora, mas posso dizer que, infelizmente, tivemos algumas saídas importantes de funcionários”.

A Paxful foi uma das principais representantes da adoção do Bitcoin como moeda oficial de El Salvador. Ela teve vários centros de orientação para educar os habitantes sobre o uso da criptomoeda na rotina. O Bitcoin chegou a ter status de moeda no país, como tem até hoje, porém não teve a aceitação planejada. Até o final de 2022, apenas 2% das negociações internacionais foram realizadas com o Bitcoin no país.

A Paxful tinha como principal serviço a intermediação de operações virtuais de Bitcoin, conhecidas como peer-to-peer (P2P), sem custódia dos ativos. No comunicado oficial sobre a suspensão dos serviços, Youssef disse que a regulação sobre critomoedas foi uma grande barreira para o crescimento do negócio.

Realmente esse é um grande desafio e sem pista de que uma solução está próxima. Vários países discutem formas de regular corretores de criptomoedas, onde as condições são muito pesadas para a maioria operar de forma sustentável.

Os próximos passos da Paxful, segundo o CEO, será garantir que todos os clientes retirem seus fundos da corretora com segurança, que inclusive foi reforçada com publicação em seu perfil no Twitter:

“Não vou sacar meu btc da @paxful até que todos os outros tirem o deles primeiro”.


Compartilhe esta notícia:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *